terça-feira, 22 de setembro de 2009

Bienal, Antologia Beco do Crime, Beto Canales



Bom,




ando meio sumido dos blogues e Internet, porque meu computador anda tendo chiliques... isso é muito chato, mas muito chato mesmo. Mas creio que resolvo esse problema nos próximos dias.






Bom,




o jovem mancebo que vos escreve, teve a honra de voar pela primeira vez e para o Rio de Janeiro, (Tive o prazer de ter Maria Bethânia no mesmo voo) e mais ainda, para participar do lançamento da Antologia Beco do Crime, organizado pelo André Esteves (Gente finíssima) do site Beco do Crime e pelo Frodo Oliveira (Uma figura ímpar) da editora Multifoco. Gente, muita emoção, muita realização e sei-quero-espero-acredito que seja só o início de muito mais. Lá na Bienal, onde o livro foi lançado, pude conhecer pessoas extraordinárias, dentre elas, destaco um escritor, o Beto Canales, que além de participar da Antologia do Beco, também publicou seu livro solo: A vida que não vivi (Ver capa logo abaixo). Esse cara, que eu tive o prazer de sentar num boteco na Lapa e tomar alguns chopps, gente, esse cara, tem muito o que contribuir com a literatura, enfim, como costumo dizer: só tenho flores para jogar. E claro, não só comprei o livro dele, como estou lendo e claro, INDICO SEM MEDO DE ERRAR.











sábado, 12 de setembro de 2009

canto do olho

Escaldando, moendo, gemendo,
partiu-se àquela corda,
voou pedaços de tudo,
coisas tantas esquecidas, outras largadas.
O inverno esquentou.
Sabe o final de tudo?
Eu não sei,
quem saberá?
Foi-se.
Perdeu-se.

sábado, 5 de setembro de 2009

Beirut - melhor ouvir o CD

Não gosto de usar esse espaço para falar de alguém ou de alguma coisa, mas preciso falar do show da banda americana Beirut, que tocou ontém aqui em Salvador e fará show do rio de Janeiro esses próximos dias. Bom, eu estava realmente ancioso para assistir ao show, pelo fato de gostar muito do som deles e também por se tratar da primeira vez deles no Brasil. O preimeiro descontentamento se deu por causa dos ingressos - o Show da banda se deu no Percpan - Panorama Percussivo Mundial. Mal começou a divulgar o evento, fui comprar os ingressos, e claro, não havia um sequer, pois os cambistas (Odeio todos eles) compraram em grande quantodade e não sobrou para os espctadores. Só para se ter noção, o ingresso custava na bilheteria a meia entrada R$ 15,00, os malditos cambistas estavam vendendo a R$ 60,00 no dia do show. Bom, consegui ganhar um, lá na fila Z11 - 54, ou seja, no fim do fim. Tudo bem, afinal eu iria assistir a um dos show mais esperados por esse jovem mancebo aqui. Mas o que acontece meus caros, é que o vocalista da Banda, simplesmente resolveu beber mais do que podia e não fez um bom show. A banda compensa pelos sopros, pela musicalidade, mas o cara simplesmente não cantou nada. Que chateação! Que merda. Agora tenho de me contentar com as gravações mesmo, pois ao vivo foi uma decepção.

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas