terça-feira, 18 de agosto de 2009

amor tempo

Todo o tempo do mundo.

O amor de todo.

Adiante Passado

Veloz Constante

Cortante Charmoso

Análogo Viajante

Viciado Vigoroso

Relutante Conjugado

Individual Cego

Coeso Incompreendido

Permissivo Carregado

Vazio Dormente

Curativo Abrasivo

Latente Inteiro

Todo amor do mundo.

O tempo todo.

2 comentários:

Ava disse...

Plinio, vejo que os poemas continuam escorrentes de paixão por aquí...

Belos e deliciosamente apaixonantes...


Beijos e carinhos!

Menino-Homem disse...

"Todo amor do mundo.
O tempo todo"

e é o amor combustível, e sonho, e realidade bonita...!

abraços,
tudo de bom.

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas