segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Destampado

Grande largura,
universo denso,
espaço enorme.
Desabotoando os sentimentos,
antes amarrados com palha seca - queimou.
As plantas molhadas após um dia de calor e agonia extremos.
Ouvindo os meus passos de pés descalços.
Enxugando os pratos,
varrendo a porta, sala, o quarto.
Tudo muito longe,
tudo muito perto.

Nenhum comentário:

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas