quinta-feira, 11 de setembro de 2008


Num céu de entardecer...

Beira mar, vento soprando do meio dele pra dentro da cidade.

Lua que se destaca sobre o crepúsculo e uma pipa rodopia, paira, brinca com tudo, sorri.

Desleixada com o que acontece aqui em baixo, visão fria dos passantes.

Some, deixa de aparecer à esses olhos tristes.

Reaparece, vermelha, dando adeus, sapateando em meus pensamentos e vai-se, perdida.

Nenhum comentário:

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas