sábado, 31 de janeiro de 2009

Fechando o ciclo janeiro.

Tudo pode parecer vão e inútil nos dias de hoje. E esse vão pode até se abrir e engolir parte de tudo que imaginamos, queremos e sentimos. Quase imune, quase são, quase ereto sobre o corso desse cavalo tempo que corre sobre tudo e faz de tudo mero acaso, ou mero destino, ou mera consequência de atos e repetições de erros. Poderia dizer que a minha fé e minha esperança estão fortes e que tudo que se passa comigo passará e eu estarei bem em minutos, no máximo em dias. Mas prefiro dizer que estou fechando um ciclo, que está acabando o trabalho da moenda e não precisarei mais girar em torno desse caldeirão, e remoer desesperos, desassossegos e passagens da minha vida. Quero que esse novo mês entre, que fevereiro chegue raiando como o sol de verão que já queima e aquece. Quero esse céu azul, o carnaval, a folia, a festa, o encontro dos trios, quero a ferveção, à noite, o dia. Numa retórica imperfeita, mas cabível, invisto no pensamento voraz de auto-cumplicidade e auto-proteção, e vislumbro muitas coisas para esses tempos vindouros, mas não quero ilusões e projeções deslavadas que fazem a gente sofrer depois que não se realiza, quero a firmeza de meus pés sobre um chão, mesmo que seja árido, mas serão os meus pés a nortear, serão eles me conduzindo pelos caminhos que terei de percorrer. Não deixando de lado o desejo enorme de mudar, de soltar a pele enquanto ando feito réptil, apenas ponho para tomar sol às coisas dentro de mim, para que morram os ácaros e eu possa sacudir a poeira. Até o fim do dia terei de ter acabado com tudo isso, porque amanhã tudo muda, sinto essa energia emanando. Por isso estou indo. Vejo-me em breve diante de todos, mais feliz, recuperado definitivamente e pronto para fevereiro.

2 comentários:

Roberta Albano disse...

devemos, claro, esperar que coisas melhores aconteçam.
Só que se não acontecerem e por acaso algo triste tornar a acontecer, lembre-se que é pra dar valor ao tempo feliz e pra crescer.

Eu não espero que eu tenha um mês inteiro de felicidade.
Espero ter experiências que me façam melhor

^^

oultimoromance disse...

To passando p/ avisar que tem selo lá no blog!
Beijos, Bruna

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas