quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Pra você


Espero nos últimos tempos
O instante em que posso ver seu sorriso.
Trocar palavras contigo: conversar.
Realmente aguardo ansioso nossos encontros.
Quando poderei te ter?
Quando nossos lábios irão se beijar?
Hoje você me tocou numa brincadeira: estremeci.
Olho-te, viajo em seus traços, no seu jeito.
Não sei o que dizer, me perco.
No fim de tudo, quando tens que partir
Agonizo por essa ida,
Aperto de mãos, forte arrepio,
Olhar tímido contemplador.
Vira-se e vai.
Fico, quero ir.
Estou indo, ficando em pensamentos.

Nenhum comentário:

Novos espaços, outros cantos


Cabeças Cortadas Universo de Retalhos - Parceria com minha irmã Danielle Freitas

Parte de mim - o que vira escrita...

Os que me olham, me sentem e me acomapanham

Contador de visitas

Contador de visitas